Anuncie aqui!

Brasileirão Série C: Estrelão não vai "jogar a toalha".

19 de set de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE

Um dia após a decisão da Quarta Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) a rotina de treinamentos do Rio Branco FC continua. O clube ainda não jogou a toalha em relação sua permanência na disputa do Campeonato Brasileiro da Série C e nesta segunda-feira, além de entrar com o pedido de efeito suspensivo, irá recorrer da sentença.

Apesar da decisão contraria a sua equipe no julgamento da tarde da última sexta-feira, o presidente Natal Xavier demonstrou tranqüilidade, acreditando que o departamento jurídico do clube, assim como do Governo do Estado, terá mérito no recurso, assim como no pedido de efeito suspensivo que será protocolado nesta segunda-feira na sede da Confederação Brasileira de Futebol. Caso seja favorável, o Rio Branco deve estrear na segunda fase no próximo dia 24 deste mês com local e adversário ainda desconhecido.

O dirigente estrelado comentou ainda que o estádio Arena da Floresta, a época, não teria sido vetado para jogos, mas sim, para receber a presença de torcedores, algo que ele discorda, pois, de acordo com ele, o estádio apresenta risco zero ao torcedor e as medidas de ajustes seriam algo corriqueiro sem apresentar ao torcedor.

Por fim, o cartola estrela reafirmou que o clube vai às últimas conseqüências para retornar a vaga tomada no tapetão e ainda aproveitou para alfineta a Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor, órgão responsável pelo pedido de interdição do estádio Arena da Floresta para jogos com o torcedor, ao afirmar que o Rio Branco é um clube que tem como objetivo jogar diante de seu torcedor quando o mando de campo pertence à agremiação, não longe dele, como queria a promotora Alecssandra Marques.

Marcelo Brás: vamos manter o foco

O atacante paraense Marcelo Brás lamentou na tarde deste sábado a decisão a Quarta Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), mas ao mesmo tempo, explicou que o grupo continuará treinando forte para busca a tão sonha vaga na disputa do Campeonato Brasileiro da Série B do próximo ano.

Brás tratou ainda de elogiar o grupo estrelado e à disposição do estado, assim como do torcedor, de ajudarem o clube neste sonho de Série B.

O Rio Branco não litigou contra a CBF, diz senador
Outro a tratar de tranqüilizar o torcedor acreano foi o senador Aníbal Diniz (PT-AC). De acordo com ele, o Rio Branco não litigou contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), explicando que a ação [pedido de liminar para a reabertura do estádio para o público] contra a decisão da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor, teria partido do Estado, não do clube.

Em relação a uma reviravolta no caso, o senador petista demonstrou otimismo e deixou claro que sua preocupação maior neste momento é com a preparação da equipe a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série C. 
Fonte: Manoel Façanha
Foto: Manoel Façanha.



O Rio Branco foi excluído na tarde desta sexta-feira da disputa da Série C do Campeonato Brasileiro. A Quarta Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) decidiu punir o clube acreano com uma multa no valor de R$ 13.485,37 além de eliminá-lo da competição nacional.

Por 2 votos a 1, o Estrelão foi punido por infração ao Artigo 191 Incisos I, II e III, gerando uma multa no valor de R$
13.385,37 e punição em R$ 100 além de exclusão do clube da Série C do Brasileirão por infração ao Artigo 231, todos do CBJD.

Após ter acionado a Justiça Comum juntamente com a FFAC (Federação de Futebol do Estado do Acre) para recorrer da decisão da Procuradoria de Defesa do Consumidor do Estado do Acre, que interditou o estádio Arena da Floresta, o Rio Branco teria infringido o artigo 191, § 2º, incisos I, II e II combinado com o artigo 231, ambos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

A decisão diz respeito ao fato do Rio Branco, recorrendo de um posicionamento do STJD em relação à interdição da Arena da Floresta, ter ido apelar à Justiça Comum e, com base em uma liminar, liberado a venda de ingressos para uma partida. De acordo com os artigos 191 e 231, um clube só poderia pleitear qualquer causa na Justiça Comum se esgotadas todas as instâncias da Justiça Desportiva, o que não foi o caso.

Se dentro de campo o Rio Branco fez uma campanha invejável, a derrota nos tribunais levará o clube à Série D de 2012 e reabre a disputa por duas vagas na chave A, que será definida no próximo domingo entre Águia-PA, Paysandu-PA e Luverdense-MT. Outro beneficiado é o Araguaína-TO, que se livra do rebaixamento para a Quarta Divisão.

Com 16 pontos, o Rio Branco estava classificado para a segunda fase da Série C.
Fonte: Futebol do Norte

Brasileirão Série C: Rio Branco 2 x 1 Paysandu

11 de set de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE
E mais uma vez o Estrelão chega a fase de mata-mata da Terceirona do campeonato nacional de futebol!


O Rio Branco garantiu neste domingo sua classificação à segunda fase da Série C do Brasileiro. O Estrelão bateu o Paysandu por 2 a 1, no estádio Arena da Floresta, pela penúltima rodada do grupo A da competição nacional.

Atuando diante de sua torcida e em busca da vitória para se classificar para a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série C, o Rio Branco começou o jogo com uma postura bem ofensiva e sempre chegava com a velocidade e técnica do meia Testinha. No primeiro lance de perigo do time da casa, Rodrigão aproveitou cruzamento pela esquerda e cabeceou forte, porém, sobre a meta do goleiro Alexandre Fávaro. O Rio Branco pressionava e pouco tempo depois, após “cochilo” da zaga, Testinha ficou livre e antes que chutasse foi interceptado por Jorge Felipe.

O Paysandu chegou pela primeira vez aos oito minutos, quando Potiguar recebeu passe, driblou o adversário e foi derrubado; na cobrança, Camilo subiu mais que a zaga adversária e cabeceou nas mãos do goleiro. Aos poucos o Papão equilibrava o jogo e esboçava fazer o primeiro. Em novo lance do time paraense, Rafael Oliveira não aproveitou lançamento de Robinho e perdeu a chance de poder abrir o placar fora de casa.

O Paysandu tinha maior posse de bola, mas não sabia aproveitar suas chances. Já o Rio Branco, que apesar de não estar mais bem, sempre que descia ao ataque levava perigo ao sistema defensivo do Papão. Foi assim, aos 27 minutos, que saiu o primeiro gol na partida. Após cruzamento de Testinha, Juliano César antecipou e testou forte para o fundo das redes. Minutos depois, o Estrelão ainda ficou reclamando de um pênalti não assinalado do árbitro após queda de Zé Marco na área.

O final do primeiro tempo foi marcado por muita pressão do Paysandu em cima do Rio Branco. Numa das boas chances de criou, Rafael Oliveira só não comemorou o empate pois o goleiro Rafael Córdova apareceu bem e fez boa defesa. Minutos depois, Sidny lançou Tiago Potiguar, que dominou e chutou, porém, apenas sobre à meta, para desespero da torcida do Papão no Estádio.

Após 20 minutos de atraso – iluminação no estádio acabou -, Roberto Fernandes tratou logo de modificar seu time e colocar Josiel, adaptando o esquema tático para três atacantes (Robinho e Rafael Oliveira já estavam em campo). O que se viu no início da segunda etapa foi um Papão disposto a empatar, mas ainda muito confuso dentro de campo e sem saber o que fazer quando tinha a bola em seus pés. Na primeira descida que teve, Thiago Potiguar arriscou de fora da área e à esquerda do gol adversário.

O Rio Branco tratou logo de responder e aos seis minutos por muito pouco não ampliou o marcador. Após contra-ataque, Ley tocou para Testinha, que emendou um chute na entrada da área e carimbou a trave de Alexandre Fávaro. O jogo era lá e cá. Pouco tempo depois o Paysandu respondeu com Araújo, que recebeu na entrada da área e antes de chutar acabou sendo desarmado por Vágner.

Quando o Papão esboçaca o primeiro gol, aos 23 minutos veio a “ducha de água fria”. Após bom passe de Juliano César, Testinha invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Fávaro praticar a defesa. O jogo seguiu equilibrado e aos 39 minutos o Papão descontou com Rafael Oliveira. No final do jogo, Ley ainda desperdiçou um pênalti e a chance de deixar seu time tranquilo no jogo.

Com o resultado, o Rio Branco chegou aos 16 pontos e confirmou a primeira colocação na chave A. Já o Paysandu permanece com 11 pontos e está em terceiro no grupo.

Na última rodada da primeira fase, o Rio Branco irá folgar e aguardar apenas a definição de seu adversário na segunda fase da Série C. Já o Paysandu recebe o Araguaína, no estádio da Curuzu.
Fonte: Futebol do Norte / AFI
Foto: Manoel Façanha.

Segundinha: Andirá vence e se aproxima da elite

25 de ago de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE
Na primeira partida da final do Campeonato Acreano da 2ª Divisão, o Andirá derrotou o Galvez por 2 a 1, na tarde de ontem (24), no Estádio Antônio Aquino (Florestão) e saiu na frente na briga pelo título.
Jogo – Totalmente apático em campo, o Galvez perdeu duas grandes chances no primeiro tempo, e em uma desatenção da zaga, deixou João Paulo abrir o placar para o Morcego.
Na etapa final, Eduardo, oportunista, aproveitou para ampliar. Nos minutos finais, Esquerdinha conseguiu diminuir. Com o gol, o Galvez passou a pressionar, mas não obteve sucesso nas jogadas de ataque.
Segundo jogo – O segundo confronto entre Andirá e Galvez acontece neste sábado, às 8h da manhã, no Florestão. O Morcego tem a vantagem do empate, e para o time militar uma vitória simples no tempo normal garante as penalidades.
Por Wudson Chaves, com informações de www.agazetadoacre.com

Segundinha: Resultados da rodada dupla das semi-finais

22 de ago de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE
Antes do futebol, o desabafo: ontem, bem na hora da partida entre Acriano FC x Andirá, mais uma vez e para não perder o costume, ficamos sem comunicação com o restante do mundo - nem internet, nem telefone celular funcionavam na região do Juruá. Tal fato me impediu, inclusive, de fazer a transmissão da partida em tempo real.

ACRIANO X ANDIRÁ

Na primeira partida da rodada dupla das semi-finais, quando a bola rolou na Arena da Floresta, às 17:00, as representações do Leão do Juruá e do Morcego riobranquense se enfretaram, faznedo uma peleja dura, disputada e digna de uma semi-final de campeonato. Os juruaenses abriram o placar e se mantiveram à frente até os 40min do segundo tempo, quando sofreram o gol de empate e não mais tiveram forças para uma reaçaão.Placar final: Acriano 1 x 1 Andirá.

Com o resultado, o Andirá segue na briga pelo título da Segundinha, pois tinha o regulamento a seu favor, em caso de empate, por ter feito melhor campanha que o Acriano, na fase de classificação. Por outro lado, o Acriano dá adeus à disputa e volta para casa com a consolação de ter feito um grande campeonato quando poucos acreditavam e viam nele um mero figurante, em especial a crônica esportiva riobranquense.

AMAX X GALVEZ

Na segunda partida, enfrentaram-se as representações da Amax e o time militar do Gavez, este que se tornou a sensação do campeonato na sua reta final.

Num jogo bonito e cheio de emoções, o Galvez confirmou a boa fase que tanto marcou sua arrancada nesta última fase da competição (antes do jogo de ontem, já havia vencido o Acriano por 2 a 1, e o  Vasco da Gama por 3 a 2, desclassificando-o) e venceu os xapurienses da Amax pelo placar de 4 a 2, carimbando sua vaga  para a grande final, onde enfrentará o Andirá em duas partidas, a primeira a ser disputada nesta quarta-feira e a segunda, no domingo, em campo a ainda a ser definido.

Por Wudson Chaves, da Assessoria de Imprensa.



 


Segundinha: Rodada dupla da semifinal

21 de ago de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE
Depois de chegar a Rio Branco na tarde de ontem e na madrugada de hoje, o elenco do Acriano FC está reunido e espera pelo difícil enfrentamento contra a representação do Morcego riobranquense, pela primeira semifinal do Campeonato Acreano da Segunda Divisão.

Elenco pedindo proteção divina para mais um trabalho físico

Com o final da fase de classificação, quando na terça-feira o Galvez derrotou o Vasco da Gama, de virada, pelo placar de 3 a 2, as semifinais ficaram decididas. Em reunião realizada na sede da federação logo após o jogo, os clubes definiram que os confrontos serão realizadas domingo (21), no Arena da Floresta. No primeiro jogo, a partir das 17h, se enfrentam Andirá e Acriano (Rodrigues Alves). Em seguida, o confronto será entre Amax (Xapuri) e Galvez.

As partidas terão transmissão pela rádio Difusora Acreana e pela Aldeia FM. Este site também fará a cobertura do confronto entre nosso Leãozinho contra o Morcego em tempo real (transmissão comentada em texto), a partir das 16 horas.

Por Wudson Chaves, da Assessoria de Imprensa.

Segundinha: Uma surpresa chamada Galvez EC

17 de ago de 2011
ACRIANO FUTEBOL CLUBE
Quando começou o campeonato da Segundinha Acreana e a equipe do Galvez Esporte Clube entrou em campo nas duas primeiras rodadas com uma equipe formada exclusivamente por militares da PMAC e CBMAC, sendo derrotado nas duas oportunidades por Andirá e Amax, ambos jogos pelo placar de 3 x 1, não havia quem pudesse apostar que o clube não passaria de um mero figurante na disputa. Ledo engano!

Num desses fenômenos que só o futebol explica, a equipe militar não abdicou de lutar por uma das vagas na semifinal, contratou reforços, intensificou sua preparação e o resultado foi, até certo ponto, surpreendente: três vitórias consecutivas e a vaga assegurada. Contra o São Francisco, 4 a 1; contra o Acriano, 2 a 1, de virada; e contra o Vasco da Gama, em confronto direto pela vaga, 3 a 2, também de virada.

O jogo a ser percebido da equipe militar é a partida excepcional feita frente ao Vasco da Gama, na tarde de ontem (terça-feira) no estádio Florestão, em Rio Branco.
No jogo, o Galvez começou melhor, pressionando e pouco respeitando a equipe cruzmaltina. Logo abriu o placar. Na sequência, levou a virada, indo para o intervalo perdendo por 2 a 1. Na volta para o segundo tempo, força renovada e nova virada, desta vez a seu favor, quando empatou e fez o terceiro gol, selando uma vitória maiúscula contra aquela equipe que, no início do campeonato, era vista como favorita absoluta ao acessoa à Primeira Divisão de 2012.

Assim sendo, não dá para deixar de dizer que o Galvez chega surpreendentemente forte para a disputa da semifinal, a ser jogada neste domingo na Arena da Floresta, contra a equipe da Amax.

ANDIRÁ X ACRIANO

A outra semifinal será disputada entre as equipes do Morcego Riobranquense e o Leão do Juruá, que tiveram trajetórias semelhantes na competição: começaram muito bem e, na reta final, perderam fôlego.

A partida será disputada também no domingo, na Arena da Floresta, compondo a famosa rodada dupla do futebol.

Pelos lados do Leãozinho, a comissão técnica e a diretoria têm trabalhado para resolver alguns problemas internos, como estrutura e relacões pessoais do elenco, e volta a intensificar sua preparação para a peleja frente ao Morcego. A comitiva juruaense deve pegar o voo para Rio Branco neste sábado à tarde.

Por Wudson Chaves, da Assessoria de Imprensa.



DESCRIÇÃO-AQUI.